Anúncios

Tecnologia – Commodore Amiga o computador dos sonhos… Nos anos 80


Navegando Pelo Obvious, encontrei essa matéria muito interessante e resolvi postar aqui, para podermos perceber o tanto que a tecnologia avançou, e que funções tão simples para nós hoje, eram muito avanço, naquele tempo!

Concebido por Jay Miner, o Commodore Amiga foi um computador pessoal verdadeiramente revolucionários para o seu tempo. Através de características únicas e inovadoras, abriu as portas a toda uma geração de entusiastas que se atreveram a sonhar com o futuro da tecnologia. Dotado de capacidades computacionais, gráficas e sonoras excepcionais, foi apresentado com pompa e circunstância. Corria então o ano de 1985, e todos os que presenciaram o seu lançamento ficaram deslumbrados.

O Amiga foi o primeiro computador pessoal do mundo a integrar o conceito pleno de multimédia. Podia correr os programas de produtividade dessa altura – editores de texto, folhas de calculo, etc – mas era também dotado de características gráficas fantásticas – imagens de 4096 cores e processamento de vídeo – bem como capacidade para reproduzir som stereo.

Através de uma arquitectura revolucionária para a época, o computador, para além do CPU principal, possuía diversos co-processadores dedicados às principais tarefas que ocorrem num sistema computacional. Desta forma, a unidade central era preservada para efectuar o que era estritamente necessário, como por exemplo as tarefas de controle e cálculo. Um aspecto curioso foi o facto de todos os co-processadores do Amiga possuírem nomes, quase que criando um laço emocional entre o homem e a máquina. Estes eram o AGNUS (Address Generator) tratava de todas as questões de endereçamento de memória, DENISE (Display Adapter) lidava com todas as funções relacionadas com a apresentação gráfica, e PAULA (Ports and Audio) funções relacionado com I/O e som. Posteriormente, novas versões do chipset foram sendo lançadas, mantendo-se esta lógica.

Outro dos pontos fortes deste computador era o seu sistema operativo completamente revolucionário. O facto de ser dos primeiros a dar a um computador pessoal a capacidade de multi-tarefa (pre-emptive multi-tasking) permitiu que todo um conjunto de software avançado fosse desenvolvido e lançado ao longo dos anos, garantindo inclusive a sobrevivência da companhia em momentos mais difíceis. Na verdade, tinha-se um computador com um desempenho idêntico a uma estação gráfica Unix/X11, por uma fracção do preço.

O lançamento deste computador foi impressionante. Contando com a presença do conceituado artista pop Andy Warhol e Debbie Harry, a demonstração em tempo real das capacidades desta máquina deixaram toda uma plateia rendida e pronta a sonhar com um futuro inimaginável até à data. Tendo em conta que o momento foi há 22 anos.”

Tem mais na Fonte

Por: Obvious

By: Áulus Silva

Anúncios
Categorias: Tecnologia | Tags: , , , , , , | Deixe um comentário

Navegação de Posts

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: