Anúncios

Muito Mais Sobre – Jamaica


Comunidade Britânica
ex-Federação das Índias Ocidentais

Animal-símbolo – beija-flôr-de-rabo-comprido ou Doctor Bird, Green-and-black Streamertail (Trochilus polytmus)

Lema: “ORIGINADO DE MUITOS, UM SÓ PAÍS”

Idioma Falado: Inglês

Jamaica – Jamaïque – Jamaika
Capital: Kingston.
Nacionalidade: jamaicana.
Idioma: o inglês é a língua oficial, embora muitos cidadãos rurais falam um dialeto criolo jamaicano (Jamaican Creole), ou inglês dialetal. O país com a primeira maior população de língua inglesa na região, seguido por Trinidad e Tobago. Parece que também é falado o patoá (Patois ou Jamaican Patois), o qual também é falado na Guiana Francesa…
Religião: Cristianismo 60,9% (protestantes 55,9%, católicos 5%), rastas 5%, sem filiação e outras 34,1% (1982).
Localização: centro da América Central. Mar do Caribe, localizado a 150 quilômetros ao sul de Cuba.
Características: relevo montanhoso a L (maior parte); terras baixas (O); planície aluvial costeira (S); mananciais; fontes termais; e arroios.
Composição: afro-americanos 75%, eurafricanos 13%, indianos 1%, outros 11% (1996).
Cidades principais: Spanish Town, Portmore, Montego Bay, May Pen.
Divisão administrativa: 14 paróquias?… Divisão postal: Kingston, St. Andrew, St. Catherine, Clarendon, Manchester, St. Elizabeth, Westmoreland, St. James, St. Ann, Portland e St. Thomas…
Moeda (numismática): dólar jamaicano (Jamaican Dollar). Código internacional ISO 4217: JMD. Anteriormente, xelim (Shilling).

Ilha montanhosa no Caribe famosa como berço de gênero musical bastante difundido, o “reggae“. Seu nome vem de Xaimaca, “terra das árvores e das águas” na língua dos índios arauaques.

Metade da receita nacional é proveniente de turistas, atraídos pelas belezas naturais e pelo conforto de uma das melhores redes hoteleiras do Caribe.

O principal produto de exportação é a bauxita. Altos níveis de desemprego e o aumento do tráfico de drogas são graves problemas no país.

O movimento “Rastafari“, comumente associado ao “reggae” e à Jamaica, tem suas raízes na Etiópia

História

Descoberta por Cristóvão Colombo em 1494, a ilha é colonizada pelos espanhóis e passa para o domínio britânico em 1655.

Os índios arauaques, que habitavam a região, são dizimados pelos espanhóis, que se utilizam do trabalho de escravos africanos para introduzir na ilha o cultivo de cana-de-açúcar – intensificado pelos ingleses.

Além de altos lucros no comércio açucareiro, a Jamaica proporciona à Coroa inglesa uma base estratégica para seus soldados e piratas que lutam contra o império espanhol na América.

Apoiado na monocultura açucareira, o país sofre com a abolição da escravatura em 1833: o empobrecimento da população gera inquietação social por várias décadas.

Após 1930 surgem os sindicatos e o movimento pela independência, sob a liderança de Norman Manley, fundador do Partido Nacional do Povo (PNP), e de Alexander Bustamante, do Partido Trabalhista da Jamaica (JLP).

Em 1959, a Jamaica adquire autonomia para assuntos internos e em 1962 torna-se independente, associando-se à Comunidade Britânica…

Benedetto Bordone (1460-1531) foi um artista que entalhava madeira, de Pádua. Ele morava em Veneza, em 1474. Publicou mapas das ilhas chamadas “insulario”, em 1528. Um interessante selo da Jamaica (abaixo, Scott: 406) mostra a Rosa dos Ventos atrás do mapa da ilha.

Os símbolos, nos finais das linhas, indicam as direções e são as letras iniciais dos nomes gregos dos ventos. O Norte é marcado por uma seta e o Leste por uma cruz.

Maestro (Noroeste)

Ponente (Oeste)

Africus (Sudoeste)

Greco (Nordeste)

Syroco (Sudeste)

Ostro (Sul)

O mapa “Descrittione del L’Isola Jamaica” de Tomasso Porcacchi (1530-1585) foi gravado em cobre pelo bem conhecido ilustrador Girolamo Porro.

Esse mapa e um outro de Porto Rico foram imprimidos pela primeira vez no Atlas Porcacchi L’Isole (o mais famoso do mundo), publicado em Veneza, em 1576, por Simon Giglignani. Abaixo, selo Porcacchi (Scott: 407).

Selo ilustrado com um mapa de Ogilby (1671). Scott: 420.

História Postal Jamaicana

Durantre o reinado de Charles II, o Governador da Jamaica foi instruído a fazer arranjos para o estabelecimento de uma agência postal no país. Isto se deu por causa dos primeiros moradores que reclamaram da vagarosa entrega de correspondências…

Como resultado, Jamaica tornou-se a primeira Colônia Britânica a ter uma agência postal em 31/10/1671. O serviço postal foi estabelecido na antiga capital, St. Jago De La Vega, ou Cidade Espanhola (Spanish Town), como é conhecida atualmente.

Com as exportações do açúcar encrementando o crescimento econômico, por volta da metade do século XVIII, Edward Dismore foi apontado como o primeiro chefe geral do Serviço Postal da Jamaica, em 1754.

Mr. Dismore estabeleceu uma rede de Agências de Correios através da ilha, muitas das quais permanecem como as principais agências ainda hoje!

Em 1776, a principal agência foi transferida da Cidade da Espanha para a rua Harbour, em Kingston. Em 1801, o “Ship Letter“, selo feito à mão, apareceu em cartas, assim as taxas postais corretas puderam ser coletadas.

O serviço postal jamaicano operou como uma subsidiária do Serviço Postal Britânico até 1860, quando atingiu autonômia gerencial e operacional.

Selos postais jamaicanos próprios foram introduzidos pela primeira vez nesse ano, para repor os selos britânicos, os quais se encontravam em circulação até então…

O catálogo Scott precede o número 1 com muitas remarcações em selos da Grã-Bretanha e com carimbos locais… São datados de 1858-60 e numerados de A1 até A172.

Para o primeiro selo postal jamaicano, o catálogo Scott especifica o 1d azul de 1860 (abaixo, Scott: 1), o qual mostra a efígie da Rainha Vitória. A primeira ocorrência, o selo de ½d vermelho (Scott: 13, SG: 7) é datado no Scott como sendo de 1872.

Em 1877, Cartões Postais Oficiais da Grã-Bretanha foram introduzidos na Jamaica. Em 1900, o primeiro selo jamaicano ilustrado apareceu mostrando as Cataratas Liandovery.

Após o terremoto de 1907, a principal agência foi transferida novamente, desta vez para King Street, no centro da cidade de Kingston.

As instalações do prédio não eram adequadas, então se planejou a construção de um novo prédio com uma agência automatizada. Parte dos serviços começaram a funcionar no novo prédio em meados de 1970, concluindo sua totalidade em 1980…

Curiosidade

1919 – “Selo Invertido”

O selo “Dollar Error” é o nome dado ao selo com valor de 1 xelim que teve erro de impressão: a linha vertical atravessou a letra “S” da palavra shilling, parecendo o símbolo do dólar “$”. Este erro ocorreu uma vez por folha… Jamais vi a imagem deste selo…

Selo Invertido” é o nome dado a emissão da Jamaica, com valor de 1 xelim, que teve erro de impressão: borda ou moldura invertida.

O selo correto foi emitido em 1919 (Scott: 96, SG: 99a), com valor facial de 1 xelim, com filigrana múltipla CA. Abaixo (nas extremidades), os selos correto e errado. Na imagem central, podemos ver o selo contemporâneo que comemora o “Invertido” de 1919.

Selo correto
Selo com erro de impressão
Selo comemorativo

Inicio

Entre 1958 a 1962, utilizou selos emitidos pela:
Federação das Índias Ocidentais – West Indies Federation

A Independência ocorreu em 1962 e selos são emitidos pela Jamaica desde então. Os 3 selos abaixo foram emitidos no mesmo ano com a sobrecarga “1962 INDEPENDENCE 1962”. Todos mostram a efígie da Rainha Elisabete II.

  1. Valor facial de ½ d (vermelho), Scott: 185
  2. Valor facial de 3 xelins (azul), Scott: 194, SG: 190
  3. Valor facial de 10 xelins (verde), Scott: 195, SG: 191

Não Está Satisfeito?

Busque mais sobre a Jamaica na Internet

By: Áulus Silva

Anúncios
Categorias: Geografia, Mais Sobre, Pesquisas | Tags: , , , , , , , , , , , , , , , | 2 Comentários

Navegação de Posts

2 opiniões sobre “Muito Mais Sobre – Jamaica

  1. Pingback: Mais Sobre - Jamaica « Blog Mais - Mudando a Internet!!

  2. manerro me garanto a cola na prova hehe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: